Mídias sociais: para que mesmo?

1 de julho de 2016

Como tinha comentado no post sobre a CNB, uma das minhas palestras preferidas foi a do Juliano Kimura. Ele, que é um reconhecido palestrante e consultor com foco no poder das mídias sociais e inovação digital, ministrou um mini curso muito bacana sobre esse tema. 

Juntei um pouco do que ouvi com o que já tinha lido por aí e comecei a pensar um pouco mais sobre o assunto. Afinal, pode até parecer repetitivo, mas qual o principal objetivo das mídias sociais? Atingir um público específico? Alcançar o maior número possível de pessoas? 

Quando a gente pensa na origem e principal objetivo das redes sociais, a palavra conectar está sempre presente. Foi assim que criamos o nosso Orkut, para conhecer e nos conectarmos com as pessoas à nossa volta. O tempo passou, chegou o fim da era Orkut, novas mídias foram surgindo e a sensação que a gente tem a cada dia é que o objetivo está cada vez mais em divulgar e não em conectar. Divagações à parte, vamos falar um pouco sobre o que mais me marcou na palestra? E não é só para quem trabalha envolvido com o mundo digital não, vale para todos!


1) Relacione-se com seu público
Seja você blogueiro(a), vendedor(a), consultor(a) de imagem ou tenha qualquer outra profissão, inegavelmente parte do seu sucesso se dará por relacionamentos. Então, conecte-se/relacione-se com seu público. 

Em um primeiro contato, busque possíveis afinidades (sejam jogos, lutas, tipos de comida, músicas, filmes) e explore essa identificação. Já percebeu que é bem comum vermos palestrantes falando de algum time de futebol ou estilo musical mais polêmico durante sua apresentação? Isso não é uma coisa à toa, foi tudo muito bem pensado para chamar sua atenção e buscar vínculos. 

Para isso, evite manter uma relação estritamente formal, falando somente sobre seus títulos (sou a doutora fulana de tal, formada em tal universidade...) e números (publiquei 436.512.435 artigos na revista tal) e crie vínculos!

2) Popular x Relevante
Ainda que os números chamem atenção (ex: 1 milhão de likes no Facebook), o que mais vale é a sua relevância. Uma pessoa pode ser muito popular, porém não tão relevante. Vai me dizer que não lembrou de algum famoso que não influencia em nada a vida de ninguém? Pois bem, números, apesar de chamarem muita atenção, não necessariamente indicam sua relevância. 

E o que seria essa relevância? Aí podemos expandir para diversos temas! Uma pessoa relevante pode ser aquela capaz de alavancar vendas em um comercial, chamar maior atenção para um determinado lançamento, dar mais audiência, encher uma sala de aula, fazer o público ficar até o final de um curso, e infinitas outras possibilidades em diversos segmentos. Na dúvida, junte todos os seus esforços para ser relevante na sua área de atuação!
3) Seja atento no que está bombando no momento
Basicamente poderia resumir esse ponto em: não menospreze o poder do Google Trends. Ou mesmo do Twitter! Observe com maior atenção o que está sendo mais buscado (palavras-chave mais procuradas) para conseguir atingir um público maior. Existe um porquê de memes e virais existirem! Eles são quase sempre feitos logo após um evento popular ou mesmo durante alguma transmissão importante para um grande público (lembram da Glória comentando no Oscar? pois bem!). Procure dar uma olhada no Google Trends durante a final de algum evento esportivo ou festival de música para confirmar isso ;) 

Basicamente, o alvo não são números e sim pessoas. E pessoas precisam de conexão/identificação para se interessarem por alguma coisa. Se até mesmo para definir qual nossa loja favorita precisamos de identificação, que dirá aquilo que escolhemos dar like ou compartilharmos no mundo social!

E aproveitando a deixa, você já se conectou com a gente?


Posts similares

comentários

  1. Muito bem explorado esse assunto.
    Realmente não nos damos conta de como a rede está mesmo evoluindo para o lado divulgação.
    Confesso que tive que parar, pensar e reler o post.
    Bem legal abordar isso aqui Lorraine!

    bjO e tenha um ótimo fim de semana!

    #olhaeudivulgando

    Dany

    Blog Breshopping da Dany
    Instagram @breshopping_da_dany
    Curta no Facebook
    Conheça também o Breshopping da Dany KIDS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eee! bom saber que o assunto chamou sua atenção :D
      um otimo fds pra vc tbm :***

      Excluir
  2. Ótimas dicas. Não sou nenhuma especialista em redes sociais, mas estou sempre procurando aprender mais nesta área :)

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o post!! As mídias sociais estão cada vez mais sendo procuradas e é muito importante se engajar e aprender muito sobre elas!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que post incrível!
    Até favoritei aqui, um assunto muito interessante principalmente pra quem quer trabalhar com isso. E nos segundo item com toda certeza eu me lembrei de várias pessoas hahaha

    Beijos,
    rodoviadezenove.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaahh que delícia ler isso :D fico super feliz em saber que conseguimos sua atenção! beeeeijo!!!

      Excluir
  5. Ótimo post!!
    http://meuestiloe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Dicas ótimas!
    Preciso explorar mais as mídias sociais, principalmente o Instagram que acho que é uma fonte incrível de leitores =)
    Bj!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade Julie! também penso isso.. duro que são tantas que tem que rolar altos malabarismos para conseguirmos administrar todas as redes!

      Excluir
  7. Que postagem deliciosa! Concordo plenamente com cada ponto e sinto cada vez mais falta dessa noção nas pessoas. Principalmente naquelas que estão na mídia como produtores de conteúdo. Essa ideia de 'estrelismo', de 'o que faz sucesso é intocável', está mais do que ultrapassada e hoje é fórmula de afastamento. Quem emite conteúdo, quem está no meio da internet fazendo compartilhamentos e tendo público (por mínimo ou maior que seja), só faz com merecimento e verdade se faz para ajudar outros (em reflexões, utilidades e afins). E se faz para ajudar outros, qual prazer seria maior do que está ajudando cada vez o mais perto possível? Afinal, preferimos quem abraça ou quem olha de longe? Preferimos um conselho de quem nos passa conforto ou de quem nos dá uma ideia de muros ao redor? Queremos conexão, afinidades. Não vamos seguir alguém que não nos inspire ou nos impulsione, e é aí que está a questão. Quem 'inspira e impulsiona' só vale a pena ser seguido se soma diretamente para cada um, o máximo que puder. Já deixei as reflexões aqui salvas, porque por mais que possam parecer clichês, parecem muito mais pontos esquecidos no cotidiano do que ratificados.

    SEMQUASES.COM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Vanessa, é bem isso mesmo! Torcendo aqui para mais gente ler seu comentário! Penso exatamente assim... uma vez que alguém se proponha a estar em alguma mídia social, o mínimo que se espera é interação social! E nem digo só de pessoas físicas não.. quer ver eu ficar chateada é ver marcas simplesmente ignorando as pessoas no facebook/instagram/insira sua rede aqui. Sei que com o crescimento fica dificil manter um relacionamento mais proximo ou responder a todos, mas não custa tentar um pouquinho né?

      Excluir
  8. Oi Lorraine, tudo bem?
    Eu imagino que esse workshop deve ter sido um dos melhores, e de fato, números não são sinônimo de qualidade, e um exemplo é o próprio facebook, você pode ter milhões, mas o alcance hoje é mínimo.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://blog.amanda-almeida.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nem fala do alcance do fb. morro de tristeza :(

      Excluir
  9. Muito bom o post e esclarecedor! Trabalho um pouco nesta área e gosto bastante <3
    boa semana :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  10. Ótima dicas, amo ler sobre posts que trarão algum retorno para o seu leitor. Beijos.
    http://www.cinderelaelegante.com/

    ResponderExcluir
  11. Ótimas dicas! É bem verdade tudo o que tu citou!

    www.priscilaaborda.com

    ResponderExcluir
  12. Bem legal, gostei muito dos itens levantados... A popularidade e relevância, é muito bom, acho que criar uma tribo também assim você cria identidade.

    Beijo!


    www.cantinhob.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Lô! Amei seu blog, tão clean e bem organizado!

    O engajamento nas redes é realmente essencial para quem trabalha com isso e para o crescimento das páginas. O difícil é organizar e planejar as postagens de forma lógica e com conteúdo relevante, mas vamos aprendendo.

    Beijinhos no coração!
    http://barbaradoblog.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, e ainda administrando varias redes ao mesmo tempo né? haha

      Excluir
  14. Amei o post! Todo mundo devia ler isso, viu? Acho que as pessoas estão perdendo a noção de que os números não são tudo que importa, já vi várias blogueiras com centenas de seguidores, mas que não interagiam com as postagens delas, então não adianta de nada, né? Adorei as dicas!
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é :( imagino ser dificil demaaais atender a todos, mas também não pode abandonar né?

      Excluir
  15. Lembro da época que eu era viciada nas redes. Passava o dia online ahuhauhauhauahuahauhuhuah
    Hoje sou mais desapegada e deixo apenas o que uso por causa da bateria do cel rs
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nossa, snap nem pensar longe do carregador haha

      Excluir
  16. Quero muito um dia poder fazer os cursos com o Juliano, deve ser fantásticos.
    big beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderExcluir
  17. Que legal!!!
    Eu fiquei doente e não pude ir no evento... mas estava doidinha para ir nesta palestra!
    Super obrigada por compartilhar o conteúdo, me sinto menos perdida agora, haha!

    Beijos!
    Andréia Campos
    http://petitandy.com

    ResponderExcluir
  18. mt bom o post cheio de dicas pra gente que bloga e se conecta mt com nossas leitoras atraves das redes né

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  19. Não fui nesse evento mas adorei suas dicas! ♡ Tem news no BLOG vem ver!! ♡ ♡ http://www.signoritablog.com ♡ ♡

    ResponderExcluir
  20. Que post legal.
    Não tinha pensado que relevância e popularidade são termos diferentes!
    Beijos, Aline
    http://versoaleatorio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, números apesar de fazer vista, não indicam muita coisa :D

      Excluir
  21. Tem algumas mídias que eu acho que se tornaram inviáveis para se relacionar com leitores.
    Como o Facebook, e apesar de algumas pessoas curtirem.. o twitter também não me agrada muito.
    kisses
    http://www.colecionadorademoda.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim, a taxa de retorno do fb tá triste :(

      Excluir
  22. Ótimas dicas! Confesso que eu sou meio preguiçosa (tanto na web como pessoalmente) pra criar vínculos com as pessoas. Estou tentando melhorar aos pouquinhos...

    ResponderExcluir
  23. Gostei muito do post pois resume bem sobre como as mídias sociais podem ajudar tanto os negócios, como no blog, no pessoal, etc. É preciso sempre pensar que mesmo no nosso perfil pessoal estamos nos "vendendo".
    Beijos,

    Amanda
    http://talesandtalks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Obrigada por compartilhar isso, são informações muito importantes, para darmos a devida importância as coisas certas. Amei as dicas.
    Charme-se

    ResponderExcluir
  25. Concordo com tudooo!! Mta gente acha que é só jogar as coisas nas redes sociais e nao interagir com seu publico, ne?! E tem mta gente, agora falando em publico, que tb tem preguiça de comentar, interagir!
    Adorei o post!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, verdade Gi e infelizmente acontece muuuito!

      Excluir
  26. Eu adorei seu blog e o post.
    Vou seguir :)

    ResponderExcluir
  27. Post muuito bacana! Se conectar com o público é bem difícil e trabalhoso mas é por isso que começamos esse trabalho e é mesmo o que conta.

    beijo
    www.blogbelatriz.com
    YouTube Belatriz
    Facebook Belatriz
    Siga também o instagram do blog @blogbelatriz.

    ResponderExcluir
  28. "Basicamente, o alvo não são números e sim pessoas." Ótimo post Lorraine! É exatamente o que tu disse, foque em pessoas e não tem números para se tornam relevante porque não adiantar tem 1M de likes e não atingir ninguém :D

    Beijão,
    Quase Mineira

    ResponderExcluir